O que fazer quando a criatividade vai embora? #ImpressãoOffset #Criatividade

Uma pessoa criativa é àquela capaz de inventar e reinventar o cenário ao seu redor, fazendo o uso de suas habilidades para inovar as situações de seu cotidiano. Como qualquer competência, é possível despertar e desenvolver a criatividade, aumentando seu repertório e combinando o que se sabe com o que se conhece.

Problemas pessoais, cansaço físico, baixo autoestima e ruídos externos podem afetar a produtividade de especialistas em criação de conteúdo. Ou seja, a falta de estímulos. Entretanto, para a felicidade dos interessados, há diversos meios de estimular a criatividade e voltar a estar feliz com as suas produções.

Segundo o sociólogo e psicólogo inglês Graham Wallas, existem quatro fases para o surgimento de uma ideia. São elas:

Preparação: consiste no estudo preparatório acerca de um tema;

Incubação: o tempo em que a ideia é formulada dentro da mente, de maneira despercebida pelo ser;

Iluminação: é quando a ideia chega à consciência; e

Verificação: ocorre ao “checar” se a ideia é realmente boa.

Ser mais criativo envolve mudar sua forma de pensar e trabalhar para saber lidar com os obstáculos no caminho de sua criatividade natural, permitindo que você a alcance e a desenvolva da melhor maneira possível.

Tenha sempre em mente um propósito e busque ele em diversos meios, seja através da Internet ou em livros físicos. Aliado a isso, estude bastante para o nicho que atua. Portanto, mantenha sempre seu reportório alimentado. Lembre-se de descansar a mente com conteúdos que já são de seu interesse.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos.

Deixe seu comentário